6 prejuízos no comércio que você pode estar sofrendo sem saber

Prejuízos no comércio

6 prejuízos no comércio que você pode estar sofrendo sem saber

Você já pensou que pode estar sofrendo graves prejuízos no comércio sem ao menos se dar conta? 

A falta de controle sobre o estoque, o desalinhamento nos processos de produção e a falta de treinamento dos colaboradores são apenas alguns dos motivos de gargalos invisíveis no seu comércio. 

Vamos conhecê-los e por um fim aos prejuízos no comércio de uma vez por todas? 

6 prejuízos no comércio que você pode estar sofrendo

1 – Problemas no controle de estoque 

Talvez você não saiba, mas o estoque é o coração do varejo – principalmente se você trabalha com produtos perecíveis. Afinal, o estoque é impactado diretamente pelos fluxos de entrada e saída de mercadorias. 

No entanto, em muitos negócios o estoque é tratado como uma zona proibida, onde tudo é bagunça e está fora de controle. Nem precisamos dizer que essa não é a forma adequada de prevenir prejuízos no comércio, não é? 

O ideal é que você saiba exatamente quando um produto entrou, quando ele saiu ou por que está estocado há tanto tempo. Ter controle sobre essas informações evita que a sua empresa entre numa espiral de declínio financeiro. 

Na vida real, existem gestores que nem ao menos sabem que um produto está há vários meses preso no estoque… 

Dessa forma, para resolver essa situação, o melhor é investir em tecnologias de monitoramento combinadas com processos operacionais eficientes. Sistemas de rastreamento, utilizando a Internet das Coisas (IoT) que ajudam a ter um controle preciso sobre o estoque. 

Com eles, cada uma das caixas estocadas possuem um dispositivo. Por sua vez, esse dispositivo contém informações completas sobre a característica do pacote. Todas essas informações são transformadas em dados via sinais de antena. 

2 – Falhas na segurança do comércio 

O furto de mercadorias é, ainda hoje, uma das principais causas de prejuízos no comércio. A causa desse problema é, principalmente, a falta de controle no acesso de pessoas em depósitos e grande fluxo de movimento – o que é comum em grandes redes de lojas e supermercados. 

No entanto, uma forma de solucionar o problema é investir no monitoramento por câmeras com vídeo analítico combinado com a IoT – o que o torna muito mais efetivo.

Sendo assim, as imagens capturadas pela câmera inteligentes atreladas a dispositivos de IOT passam a ser transmitidas a uma central de controle. A tecnologia implementada também permite personalizar a captação de imagens, com zoom e mudanças de ângulos sempre que necessário de forma automática.

Com o advento dessa tecnologia no seu comércio, além de prevenir furtos, você também otimiza o desempenho da sua equipe de segurança, eliminando o risco de alarmes falsos. 

3 –  Perdas na logística de transporte

Os prejuízos logísticos são a principal preocupação dos produtores. Isso porque, no Brasil, a perda de mercadoria na logística de transporte representa somas bilionárias. 

Contudo, não pense que essa deve ser apenas uma preocupação do produtor. O varejo também é afetado pelo problema. Afinal, garantir que você receba exatamente o produto que foi produzido pode facilitar em muito a sua vida – e, de quebra, cortar alguns custos.

Entre as principais causas dos prejuízos no comércio causado pelo transporte de mercadorias, estão: não otimização de recursos, planejamento ineficiente das rotas e mau estado das rodovias brasileiras. 

Como forma de resolver o problema, você pode optar pelo rastreamento de cargas. Mais uma funcionalidade do sistema de rastreamento com telemetria, o rastreamento de cargas é feito com a instalação de dispositivos no veículo para acompanhar o trajeto do veículo e de determinada carga. 

Porém, os dispositivos não são apenas para localização dos pacotes. Se aliadas à Internet das Coisas, elas ainda podem fornecer informações específicas como a temperatura interna, por exemplo. Todos os dados são compartilhados em tempo real. 

4 – Perdas nas etapas de produção 

Este tópico é válido especialmente para lojas e comércios que também são produtores e não apenas revendem mercadorias. 

Como sabemos, uma linha de produção é composta por inúmeras etapas que se somam para alcançar um produto final. Assim, temos como as principais etapas de produção:

  • Identificação da demanda;
  • Planejamento;
  • Compra de matéria-prima;
  • Manufatura;
  • Controle de qualidade;
  • Embalagem;
  • Armazenamento no estoque;
  • Disponibilização para venda. 

Assim, alguns dos problemas que causam prejuízos no comércio estão ligados, principalmente, a  perecibilidade da matéria-prima, lotes com prazo de validade expirado, pouca quantidade ou falta de especificação da matéria-prima e atraso de entrega pelo fornecedor. 

5 – Falhas operacionais 

É comum haver falhas operacionais, principalmente em processos que envolvem a movimentação da mercadoria. Quebras, danificação, perdas e furtos podem acontecer.

Essas falhas podem até mesmo acontecer no processo de conversão. Um exemplo clássico é de quando o caixa registra um produto diferente daquele que está sendo vendido. 

A solução para o problema está em investir no treinamento dos profissionais que trabalham no seu negócio, diminuindo os prejuízos no comércio. Não esqueça: quanto mais treinados e preparados os seus colaboradores estiverem, maior será sua autonomia para resolver enganos e manter um fluxo de trabalho saudável. 

6 – Falha no acompanhamento de dados de análise

O que está causando prejuízos no comércio? Acompanhar dados do seu negócio permite que você tem um olhar analítico e saiba exatamente onde melhorar e investir. 

Mais uma vez, a Internet das Coisas e a tecnologia de monitoramento podem ajudar. Quando conectados aos equipamentos e processos, os sensores de monitoramento começam a agrupar dados de análise, permitindo um olhar crítico sobre os processos. 

A vantagem? A detecção de irregularidades, alertas e a possibilidade de corrigir os erros em busca do resultado ideal.  

Quer saber mais sobre prevenção de perdas e prejuízos no comércio? 

O que você achou do nosso post sobre prevenção de perdas e prejuízos no comércio? Para mais informações sobre essa e outras tecnologias de prevenção, segurança e monitoramento fique de olho no nosso blog. 

Tags: